O HPV (Human Papiloma Virus) é considerado a Infecção Sexualmente Transmissível (IST) mais comum nos dias de hoje. De acordo com a OMS (Organização Mundial de Saúde), mais de 630 milhões de homens e mulheres estão infectados pelo HPV no mundo. Atualmente, há cerca de 10 milhões de pessoas contaminadas no Brasil* e estima-se que 700 mil casos possam surgir a cada ano, dando origem a uma epidemia.

A importância clínica está no fato de que alguns tipos virais estão relacionados a lesões que podem progredir para um câncer cervical (colo uterino). Cerca de 471 mil novos casos de câncer desse tipo surgem a cada ano no mundo, com uma média de 233 mil mortes reportadas. No Brasil, são 40 mil novos casos por ano.  Essa doença tornou-se uma importante questão de saúde pública e medidas de prevenção, diagnóstico e tratamento adequado devem ser adotadas. Os métodos moleculares são ferramentas de apoio altamente recomendadas para o diagnóstico dessa infecção, pois é rápido e assertivo.

Pensando nisso, o Cremasco Medicina Diagnóstica traz uma metodologia inovadora que é um teste in vitro para a detecção qualitativa e genotipagem do ácido nucleico de 36 diferentes tipos do vírus papiloma humano (HPV) de alto e baixo risco.

Tipo de amostras:

* Swabs citológicos;

* Tecidos em parafina;

* Citologia líquida.

Vantagens:

* Resultados rápidos, dependendo da urgência com liberação no mesmo dia;

* Alta sensibilidade;

* Alta especificidade;

Mais informações pelo 3336-1147 ou 99655-1147 (WhatsApp)

 

*Dados levantados pela XGen.